Banestes Liquidez Fundo de Investimento Renda Fixa Referenciado DI

Destina-se à captação de recursos de investidores pessoas físicas e/ou jurídicas em geral, Fundos de Investimento e Fundos de Investimento em Cotas de Fundos de Investimento, tendo como objetivo proporcionar a valorização de suas cotas, próxima ao CDI (taxa média praticada por instituições financeiras), por meio de aplicação dos recursos em ativos financeiros disponíveis no âmbito do mercado financeiro e de capitais.

Política de investimento

Os recursos do FUNDO serão aplicados em ativos financeiros disponíveis no âmbito do mercado financeiro e de capitais, conforme definidos pela legislação em vigor, não constituindo, por parte do ADMINISTRADOR, garantia ou promessa de rentabilidade. Consideram-se ativos financeiros: títulos da dívida pública; contratos derivativos; certificados de depósitos bancários (CDB), letras financeiras (LF) e debêntures; depósito a prazo com garantia especial do Fundo Garantidor de Créditos (DPGE); cotas de Fundos de Investimento - FI; cotas de Fundos de Investimento em Direitos Creditórios – FIDC; ativos financeiros emitidos por meio de ofertas públicas de acordo com a legislação vigente; e quaisquer outros ativos de emissão de instituição financeira.

Tributação

IOF

Imposto sobre Operações Financeiras - os percentuais do IOF são decrescentes conforme tabela válida para todo o mercado. Há incidência sobre o valor dos rendimentos, quando a aplicação for efetuada por prazo inferior a 30 dias. Saiba mais na Tabela de incidência de IOF

IR

Para fins de incidência do Imposto de Renda (IR) para os cotistas, por ocasião do resgate e em função do prazo de permanência, o Fundo busca o tratamento tributário aplicado aos fundos classificados como de longo prazo, considerados aqueles cuja carteira de títulos tenha prazo médio superior a 365 dias.

Assim, neste caso os rendimentos auferidos pelos cotistas sujeitam-se à incidência do IR no último dia útil dos meses de maio e novembro de cada ano (come-cotas), a alíquota de 15%, ou por ocasião do resgate, às seguintes alíquotas:

Prazo de Permanência e Alíquota do IR
Prazo ¹ Alíquota Básica ² Alíquota Complementar ³ TOTAL
0 até 180 15,00% 7,50% 22,50%
181 até 360 15,00% 5,00% 20,00%
361 até 720 15,00% 2,50% 17,50%
Acima de 720 15,00% 0,00% 15,00%
¹ - Prazo em dias corridos;
² - Incide na fonte, sendo aplicada, semestralmente nos meses de maio e novembro;
³ - Será aplicada em função de permanência por ocasião do resgate de cotas.

No caso de alteração da composição ou do prazo médio da carteira que implique que o Fundo permaneça com o prazo médio da carteira igual ou inferior a 365 dias, para fins de tratamento tributário, o Fundo passa a ter tratamento de curto prazo. Neste caso, os rendimentos auferidos pelos cotistas sujeitam-se ao come-cotas à alíquota de 20% e às seguintes alíquotas:

Prazo de Permanência e Alíquota do IR
Prazo ¹ Alíquota Básica ² Alíquota Complementar ³ TOTAL
0 até 180 20,00% 2,50% 22,50%
Acima de 180 20,00% 0,00% 20,00%
¹ - Prazo em dias corridos;
² - Incide na fonte, sendo aplicada, semestralmente nos meses de maio e novembro;
³ - Será aplicada em função de permanência por ocasião do resgate de cotas.

Para possibilitar o benefício das alíquotas decrescentes de ir concedidas aos cotistas de fundos com carteira de longo prazo, conforme previsto na legislação, o gestor buscará manter a carteira do fundo com prazo médio superior a 365 (trezentos e sessenta e cinco) dias. Não há garantia de que este fundo terá o tratamento tributário para fundos de longo prazo e, neste caso, será aplicada a tributação correspondente a carteira de curto prazo.

Saiba mais sobre o Fundo